Sexta-feira, 6 de Novembro de 2009

A estratégia dos colonos de "casa a casa, família a família", vai colhendo os seus frutos enquanto o mundo, na comodidade do seu sofá, olha para o lado.

 

 

Os palestinianos de Sheikh Jarrah, de Jerusalém Oriental, estão lá residentes como refugiados das Nações Unidas desde a fundação do estado judaico, em 14 de Maio de 1948.

Israel já expropiou cerca de 35 por cento do território de Jerusalém Oriental, mais de 24.000 hectares de terra, foram retirados aos seus proprietários palestinos.


Quando Barack Obama foi eleito presidente, há um ano atrás, a sua posição sobre o conflito israelo-palestiniano parecia claro: Israel tinha de congelar os assentamentos. Pouco a pouco, a clareza, deu lugar à prevaricação, ao backtracking e submissão.

Em Maio, com o seu discurso ao mundo muçulmano sobre o Oriente Médio no Cairo, havia a esperança de que colocaria Benjamin Netanyahu no seu lugar. Mas a esperança está a dar lugar à desilusão.

Depois do chá do verão, em Setembro, Obama afastou-se do congelamento dos assentamentos e o objectivo passou apenas para conseguir juntar palestinianos e israelitas à mesma mesa. A retórica foi deslizando para clichês pantanosos: "Já é hora de parar de falar em condições para as negociações, é hora de avançar."

Acham? Ou melhor, quem é que deve avançar, já que ele não o fez?

No fim de semana passado, Obama hipotecou-se na perspectiva de negociações israelo-palestinianas, ao deixar a sua secretária de Estado, a beligerante Hillary Clinton transparecer a posição mais covarde e de falta de caráter desta jovem administração. Hillary Clinton tem a reputação de ser um falcão na política externa, o que é verdade em relação ao Médio Oriente. Foi uma apoiante incondicional das guerras do governo Bush no Afeganistão e no Iraque, e de "obliterar" o Irão, caso este desenvolva armas nucleares. Apoiou a construção do Muro da Cisjordânia, e nunca falou contra os assentamentos. É dos "apoioantes cegos" de Israel.

Hillary não só abandonou as exigências de congelamento dos assentamentos, como aceitou a recusa de Netanyahu de aderir a qualquer iniciativa americana, que tenha por base contra a decisão de continuar a construção de assentamentos num ritmo mais lento, "a contenção" Peace Now - Settlement Watch Team.

Assistiu-se ao ridículo de Clintou aplaudir a "contenção sem precedentes" nos assentamentos, no fundo um louvor ao desprezo de Netanyahu pelo direito internacional, e pelas resolução 446, de 1979, do Conselho de Segurança das Nações Unidas link neste blog link neste blog.

Não é a primeira vez que Hillary Clinton demonstra indiferença em relação à Cisjordânia, e aos palestinianos de Jerusalém Oriental. Contrasta com a posição de outro Clinton, o Bill, que em Dezembro de 1998 no ainda exixtente Aeroporto de Gaza disse link externo The New York Times:

"I am profoundly honored to be the first American President to address the Palestinian people in a city governed by Palestinians, this moment would have been inconceivable a decade ago."

 


Hillary foi logo criticada, enquanto fazia a viagem para Marrocos, onde ela tem uma amizade com o ditador deste país, que tirou férias das suas infinitas férias, para poder estar presente no Fórum sobre o Futuro. A resposta às críticas foi feita numa linguagem cuidada, por escrito, onde "oferece um reforço positivo, a qualquer das partes, nas medidas que tem como objectivo chegar a uma solução de dois Estados".

Um mediador flexivel, covarde, não é o que é necessário. Israel precisa de sentir pressão, e as exigências tem que ser apoiadas por ameaças. Os Estados Unidos subsidiam Isarel, quer economicamente, quer militarmente até ao montante de US $ 3 bilhões por ano, contra os $ 815 milhões à Autoridade Palestiniana. Grande parte deste montante é para cobrir a ocupação militar de Israel na Cisjordânia. O dinheiro pode - e moralmente deve - ser recusado se Israel continuar a recusar-se a ceder nos assentamentos.

link externo   2009.10.28 / 35% of East Jerusalem expropriated - study
link externo   Ministry of Housing’s Plans for the West Bank
link externo Reuters  2009.11.05 / Highlights from Abbas speech
link externo Time  2008.11.06 / In a Warning to Obama, Abbas Quits Election



ADzivo às 11:30 | link do post | comentar

WIKIPÉDIA
A enciclopédia livre

The siege on the Gaza Strip
Gaza crisis: key maps and timelinerecords that do not lie
btselem
Fórum Palestinaend the SIEGE ON GAZA
Aung San Suu Kyi - The Nobel Peace Prize 1991
Campaigning for Human Rights and Democracy in Burma70.000 CHILD SOLDIERS! MORE THAN ANY COUNTRY IN THE WORLD.
The Plight of the Afghan Woman
Afghanistan OnlineNeither the US nor Jehadies and Taliban
Tibet will be free

Free Tibet OrgThe Tortured Truth
Saramago
Nortadas

... como é possível que um euro tenha valor diferente se dispendido no Porto, Gaia, Matosinhos ou Maia ou gasto em Lisboa, Almada ou Amadora?

Porto

documentários

FRONTLINE-documentários em inglêsRECOMENDADOEURONEWS-documentários em português / Não há luz no fundo do túnel para o Médio OrienteEURONEWS-documentários em português / Os colonatos ilegais na CisjordâniaEURONEWS-documentários em português / Ali Larijani: a dissuasão iranianaGod's Chariot Episode 1 Part 1God's Chariot Episode 1 Part 2God's Chariot Episode 2 Part 1God's Chariot Episode 2 Part 2

÷ tags ÷

threats










AMEAÇAS

ORGANIZAÇÕES INTERNACIONAIS

LES MISC


÷ artigos recentes ÷

a Rua Luis Ferreira

Vita Marina 46(3-4)

Bulletin Zoologish Museum

Journal of Conchology 36(...

Journal of Conchology 36

Journal of Conchology 35

Argonauta 21(1)

Novapex 1(2)

Malacologia 35

Malacologia 34

Malacologia 29

Malacologia 27

Inside Britain's Israel L...

No Way Through

Bomba Suja

O Poder da Vírgula

O lado B do filme

Matar silenciosamente .II

Gestos e goleadas

Troca de mimos

Vidas dificeis

Merkava: a invencibilidad...

A declaração da independê...

Vai-te habituando à ideia...

Timor: os injustiçados

O céu a cair-lhes na cabe...

sr que se segue

We  have  lift-...

Operation Cast Doubt

Congresso dos EUA rejeita...

÷ comentários recentes ÷

Você Ganhou um novo adepto do teu blog, gostei do ...
...pois, o ourives Luís Ferreira
Gente famosa é assim mesmo!
Não imaginava que estas situações fossem possiveis...
ainda não estou de volta, porque ainda estou "foca...
Estás de volta com as..."conchinhas"?
Parabéns pelo site!
a revolução começouwww.terrasonora-nunoviana.blogs...
÷ arquivo ÷

2011:

 J F M A M J J A S O N D

2010:

 J F M A M J J A S O N D

2009:

 J F M A M J J A S O N D

÷ feeds ÷
blogs SAPO
Fim da cena